MORPHOLOGIE

A "bela forma":

"A morfologia deveria ser a ciência da forma correcta, no entanto, esta tem como base o estudo dos biótipos, que não são mais do que dismorfismos. Crê-se que estes biótipos sejam constitucionais e, por isso irreversíveis. Mas devem-se, tal como as hipercifoses, às hiperlordoses, às inversões de curvaturas, às escolioses de todo tipo, etc., às rotações internas e ao bloqueio diafragmático em inspiração. Por conseguinte, podemos concluir que são perfeitamente reversíveis. Não cremos que haja vários tipos (incluindo os pés planos, os cavos...), os redondos, os quadrados, os longilíneos ou brevilíneos,..há apenas um só tipo normal, o do poliatleta cujas proporções correspondem ao número de ouro (em relação a √5±½) para o qual todos deveríamos tender. Conhecer esta bela forma e antes de mais, não aceitar qualquer tipo de trabalho que não aponte para ela é o imperativo que domina a nossa arte. É em função desta imagem que examinamos a pessoa e é o conhecimento dos mecanismos corporais que nos permite procurar a origem mais subtil da deformação flagrante." F.Mézières

72 rue du Chateau

92100 Boulogne-Billancourt

01 46 05 08 33

drouard.jeanmarie@free.fr

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now